Rogério Ceni: M1TO em números e história.

ROGÉRIO CENI, MITO EM NÚMEROS E HISTÓRIA 

Você pode até não gostar, mas você deve respeitar. Um dos maiores goleiros que o mundo já viu. Ele foi amado pelos são paulinos, e odiado pelos rivais, isso por conta de toda sua idêntificação com o clube que o lançou ao futebol.
Foi líder dentro e fora de campo, fez defesas que apenas jogadores com um potêncial íncrivel seria capaz de fazer, conquistou o mundo, e podemos dizer também que calou o mundo.
Morou embaixo das arquibancadas do Morumbi por um tempo, do primeiro ao ultimo dia de sua carreira ele foi o primeiro a chegar aos treinos, e o ultimo a sair. Ele nunca cobrou de ninguém, o que ele mesmo nunca teria feito, sempre buscou a perfeição, e seus números e títulos provam que se ele não alcançou, chegou muito perto.  

Rogério Ceni São Paulo Campeão

Abaixo, na sequência de especiais sobre o arqueiro, você confere as principais marcas atingidas pelo capitão do São Paulo, que ganhou o apelido de Mito. Merecido. São tantos feitos que fica até difícil calcular. Alguns deles estão na história! Outros, no coração do são-paulino. Todos, na conta de Rogério Ceni.

MAIOR NÚMERO DE JOGOS

Ceni disputou 1.237 partidas com a camisa do São Paulo e encerra a carreira como o atleta que mais defendeu o mesmo clube na história do futebol. O recorde anterior era de Pelé pelo Santos e foi batido em 2013, quando o goleiro atingiu 1.117 partidas. Ou seja, depois de superar o Rei, Rogério ainda disputou 120 partidas pelo São Paulo. O feito lhe rendeu entrada no Guinness Boook, o Livro dos Recordes. Foram 648 vitórias, 275 empates e 314 derrotas, com aproveitamento de 59,80% dos pontos disputados. 

Rogério Ceni Iniciando no São Paulo

MAIOR NÚMERO DE GOLS 

Foram 131 gols na carreira, sendo 61 de falta, 69 de pênalti e um considerado de bola rolando. Também está no Guinness como o maior goleiro-artilheiro da história do futebol. O recorde foi atingido em 2006, quando superou os 62 anotados pelo paraguaio Jose Luiz Chilavert, outra lenda do esporte. A temporada em que Ceni mais marcou foi em 2005, com 21 tentos anotados no ano em que o clube conquistou o Paulista, a Libertadores e o Mundial. Ele começou a cobrar faltas em 1997. A Fifa, porém, só reconhece 129 gols.  

100º Gol de Rogério. FOTO ANDRE LESSA/AE.
100º Gol de Rogério.
FOTO ANDRE LESSA/AE.

MAIS VEZES CAPITÃO DE UM TIME  

Ceni vestiu a braçadeira de capitão do São Paulo por 978 vezes. Nenhum outro jogador na história do futebol mundial conseguiu tal feito. Isso também ganhou espaço no Livro dos Recordes. O goleiro passou a ser capitão do time em 2002. 

Ceni vestiu a braçadeira de capitão do São Paulo por 978 vezes

MAIOR NÚMERO DE TÍTULOS 

Foram 18 pelo São Paulo, levando em conta apenas os oficiais. É o maior vencedor da história do clube. Dentre eles, destacam-se duas Libertadores (1993 e 2005) e dois Mundiais (1993 e 2005), três Brasileiros (2006-2008) e uma Copa Sul-Americana (2012), o último de maior relevância. O primeiro como profissional foi a Conmebol de 1994, com o Expressinho comandado pelo técnico Muricy Ramalho. 

Ceni beijando simbolo do São Paulo

OUTROS NÚMEROS 

No São Paulo, Ceni bateu praticamente todos os recordes possíveis para um jogador. É o recordista de jogos no Brasileirão (575), maior número de vitórias no Brasileirão (279), jogador brasileiro com mais jogos na Libertadores (90), maior número de vitórias na Libertadores (51), mais participações na Libertadores (9), maior número de vitórias no Morumbi (375), goleiro com maior número de assistências (7), artilheiro do time nas temporadas 2005 (21 gols) e 2006 (15 gols)… Ufa! Tudo está na história, que mais parece uma mitologia.

MILTON NEVES IS BACK: (ESSE AMA O ROGÉRIO)

Nessa semana especial do dia goleiro, a FutFanatics lançou a promoção que você ganha cinquentão de desconto em comprar acima de R$300 pila. Então bora presentear o cunhado! (todos que vc tem)

Acessa o link: http://bit.ly/manualdogoleiro
E utiliza o CUPOM: GOL50

Mostrar mais

Artigos relacionados

Verifique também

Close
Close